quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Os Jogos Olímpicos

Os Anéis Olímpicos, símbolo oficial das Olímpiadas. Cada cor representa um continente: Azul - Europa, Amarelo - Ásia, Preto - África, Verde - Oceania e Vermelho - América.

Os Jogos Olímpicos são um evento multi-desportivo internacional dividido em dois, os Jogos Olímpicos de Verão e os Jogos Olímpicos de Inverno, que são disputados de quatro em quatro anos, o que equivale a uma Olimpíada.

Os primeiros Jogos Olímpicos da Antiguidade eram um festival religioso e atlético da Grécia Antiga; tradicionalmente a data atribuída aos jogos é a de 776 AC, tendo sido celebrados até 393 DC, no santuário de Olímpia em honra de Zeus. Foram abolidos em 394 pelo Imperador Teodósio I com o argumento de serem reminiscências do paganismo.

O Lema Olímpico é “Citius, Altius, Fortius”, uma locução latina cujo significado muitos de nós já conhecem: “Mais Rápido, Mais Alto, Mais Forte”. O que talvez não se saiba é que o mesmo foi “sugerido” por Henri Didon, um frade dominicano, educador, escritor e adepto entusiasta do desporto. Os ideiais de Pierre de Coubertin são provavelmente melhor ilustrados pelo Credo Olímpico: “O mais importante nos Jogos Olímpicos não é vencer mas sim participar, tal como o mais importante na vida não é o triunfo, mas sim a luta. O essencial não é ter conquistado, mas sim ter disputado bem.”

No ano de 2008, em Pequim, por ocasião da XXIX Olimpíada da Era Moderna, dá-se mais um salto na evolução dos Jogos Olímpicos que acompanham sempre o desenvolvimento da sociedade e do ser humano. O lema dos Jogos é “Um Mundo, Um Sonho”, e o seu símbolo ou emblema chama-se “Pequim Dançante”, representando um selo chinês com o carácter “Jīng” (segundo carácter usado para escrever Beijing em chinês) na forma de uma figura antropomórfica dançante.

Quanto ao programa para os Jogos Olímpicos de Verão de 2008, em Pequim, não há muitas diferenças ao realizado em Atenas (Grécia) em 2004. Com 28 desportos diferentes, 165 eventos desportivos masculinos e 127 eventos femininos, mais 10 eventos mistos, apresenta-se um total de 302, um a mais que em Atenas. No sector feminino, verifica-se um acréscimo de duas provas relativamente a Atenas-2004, significando um aumento de 130 atletas no contingente de concorrentes.
Diversas provas e uma nova disciplina (ciclismo BMX) são novidades absolutas do programa olímpico para 2008:
· Atletismo: 3000 metros obstáculos femininos
· Ciclismo: BMX masculino e feminino
· Esgrima: Florete por equipas masculino e feminino
· Natação: 10 kms águas abertas, masculino e feminino
No Ténis de Mesa, as provas de pares foram substituídas por provas por equipas.
No que diz respeito às novas modalidades, foram inseridas na já extensa lista duas provas de BMX, disciplina do ciclismo, assim como as maratonas de natação na distância de dez mil metros.
Assim, as modalidades de Verão são as seguintes (em parênteses surge o número de eventos em cada modalidade): Andebol (2), Atletismo (47) , Badminton (5) , Basebol (1), Basquetebol (2), Boxe (11), Canoagem (16), Ciclismo (18), Esgrima (10), Futebol (2), Ginástica (18), Halterofilismo (35), Hipismo (6), Hóquei (2), Judo (14), Lutas Amadoras (18), Natação (34), Natação Sincronizada (2), Pentatlo Moderno (2), Pólo Aquático (2), Remo (14), Saltos Para a Água (8), Softbol (1), Taekwondo (8), Ténis (4), Ténis de Mesa (4), Tiro (15), Tiro com Arco (4), Triatlo (2), Vela (11), Voleibol (4).
Quanto às modalidades de Inverno, podemos observar que se restringem a sete: Biatlo, Bobsleigh, Curling, Esqui, Hóquei no Gelo, Luge, Patinagem
Para que uma empresa desta categoria e importância não seja denegrida por actos menos correctos ou situações pouco esclarecedoras, existe um documento que, acima de tudo, tem como função primordial servir como instrumento de natureza constitucional, regendo-se e apelando aos Princípios Fundamentais e Valores essenciais do Olimpismo. A esse documento imprescindível dá-se o nome de Carta Olímpica